Em qual etapa do processo de abertura de um e-commerce deve-se escolher a solução antifraude ?

fraude-ecommerce (1)

Em qual etapa do processo de abertura de um e-commerce deve-se  escolher a solução antifraude ?

 

A pergunta parece simples de responder, mas gera muitas dúvidas no decorrer do processo de construção de uma loja virtual.

Uma parte  dos gestores, analisam a necessidade de uma ferramenta e processo antifraude  somente após o primeiro chargeback. Dependendo do tamanho da loja virtual e de sua estrutura financeira, esta postergação, dependendo do valor do chargeback  pode significar a não sobrevivência no mercado.

 

Vamos comparar sua loja virtual a uma construção de casa. Você apresenta ao mestre de obras a planta, e ele começa o trabalho. Ergue as paredes, separa os cômodos, coloca piso, telhados, enfim; deixa exatamente da mesma forma como estava na planta do projeto de construção. No entanto, você decide não colocar portas na casa, afinal mora em um Cidade tranquila, sem a menor possibilidade de ser roubada. Gastar com a porta pra que? Prefere investir o dinheiro em uma pintura mais bonita, lustres, fazendo com que sua casa chame mais atenção. Até que um dia você sai para trabalhar, e quando volta percebe que alguns itens foram roubados. O prejuízo foi grande!

 

 

Retornando para o assunto ecommerce. Pense no investimento na construção do seu site. Contrata  uma boa plataforma, uma vitrine para seus produtos/serviços bem customizados, ERP’s para fazer toda parte de captação e entrega, etc. Preferiu deixar a solução antifraude para “ mais tarde “.

 

Como qualquer projeto que se venha a fazer,  temos que planejar, executar e mensurar os resultados.

 

Colocar uma loja virtual no ar sem um antifraude, é o mesmo que dar boas-vidas ao cyber fraudador. Sua loja pode ser grande, média ou pequena. Lembre-se  que “ a ocasião faz o ladrão “, a pessoa mal intencionada quer apenas uma “ casa sem porta “ para que possa agir. Ele quer testar dados, documentos, etc. Não queira que sua loja seja testada por esse tipo de situação, não espere receber o primeiro Chargeback para tomar uma atitude, antecipe-se para um problema que existe.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin

Outros Posts

B2e Cases – Camil

Dando sequência no nosso projeto, o B2e Cases, hoje vamos falar de outros segmentos: Grãos, açúcar e pescados.  E não tem como falarmos desses segmentos

Leia mais »

B2e Cases – TudoAzul

Hoje, iniciamos nosso novo projeto: O B2e Cases! A B2e Group é responsável pela segurança dos maiores programas de fidelidade do Brasil, protegendo companhias aéreas,

Leia mais »

Nos Envie Uma Mensagem